A crescente demanda por realidade virtual/aumentada no local de trabalho

Por Daniel Newman, analista-chefe da Futurum Research

 Conteúdo patrocinado pela Dell

Tudo começou com o Pokémon GO, um simples, mas engenhoso aplicativo que permitia que qualquer pessoa capturasse e treinasse Pokémons no mundo “real”, ou pelo menos no mundo da realidade aumentada (AR). Fãs de Pokémon ou não, muitos se desdobraram para capturar os monstrinhos, visitando lojas e pontos de referência locais durante a caçada. Embora o Pokémon GO não tenha sido a primeira experiência com AR do mundo, o aplicativo deu à AR um uso real e prático. Ele marcou a ascensão dos aplicativos de AR para a tendência predominante e deixou nos usuários um gostinho de quero mais. Agora, o aumento da demanda por aplicativos de AR e de realidade virtual (VR) no local de trabalho está trazendo novas maneiras de utilizar essa tecnologia imersiva em benefício de empresas.

Acompanhe a transição de dispositivos móveis para óculos inteligentes

Assim como nós, amantes da tecnologia, acompanhamos a transição dos desktops para os dispositivos móveis (o mercado móvel finalmente passou à frente[conteúdo em inglês] em 2014), agora estamos acompanhando a taxa de adoção dos óculos inteligentes. Já testemunhamos uma impressionante migração das telas de desktop para os óculos, headsets e acessórios inteligentes em 2016, e novas ferramentas já surgem no horizonte. Engenheiros e designers de virtualização estão apostando, a partir de 2017, em tornar o hardware cada vez mais parte do nosso vestuário. Empresas de renome, como Google, Microsoft, Facebook, Samsung e GoPro, estão investindo pesado em aplicativos de VR e AR (Apple, IBM e Amazon também têm projetos em desenvolvimento), o que prova que a virtualização não é uma moda ou tendência passageira. Ela veio para ficar.

Isso não significa que os óculos inteligentes substituirão os dispositivos móveis ou desktops. Em vez disso, os hardwares e softwares de virtualização trabalharão de maneira intuitiva em conjunto com dispositivos móveis, criando a experiência de usuário ininterrupta que desfrutamos nos nossos dispositivos com o Pokémon GO. As tecnologias de AR e VR também podem passar a ser dominantes no local de trabalho. Sou um grande defensor da AR/VR no local de trabalho (conteúdo em inglês) desde o início, reconhecendo seu potencial para incríveis aplicações empresariais, como marketing, impulsionamento de tráfego para varejistas e a criação da melhor experiência para o usuário. Agora as inovações estão alcançando a imaginação.

Aprenda a usar AR/VR no local de trabalho do mundo real

 É fácil dizer que as tecnologias de AR e VR estão transformando o local de trabalho, mas pode ser difícil imaginar como essas tecnologias realmente funcionariam até testá-las na sua empresa. No entanto, com um pouco de imaginação e a análise de algumas estatísticas surpreendentes, pode ser mais fácil visualizar um local de trabalho com realidade aumentada/virtual/mista (MR). Quando a Dell realizou uma pesquisa com profissionais em locais de trabalho de todo o mundo sobre tecnologias de AR/VR, descobriu que os trabalhadores modernos esperam que, no futuro, elas ajudem a:

  1. Em primeiro lugar: colaborar. 67% da geração Y e 48% da geração X consideram importante usar produção de AR/VR em reuniões e produtos colaborativos.
  2.  

  3. Em segundo lugar: treinar. 23% dos profissionais querem usar produtos de AR/VR para aprender novas habilidades e realizar treinamentos em ambientes virtuais.
  4.  

  5. Em terceiro lugar: vender. 19% dos profissionais da geração Y e 11% dos da geração X usariam produtos de AR/VR para demonstrar ideias e produtos para clientes.
  6.  

  7. Em quarto lugar: socializar. 6% dos profissionais imaginam usar AR/VR para socializar com colegas.

 

A maioria dos profissionais da geração Y (63%) e da geração X (58%) prefere ter benefícios tecnológicos, como aplicativos de AR e VR, no local de trabalho. Nos países em desenvolvimento, 77% dos profissionais preferem ter benefícios de alta tecnologia. Nos países desenvolvidos, esse número chega a 45%. Esses dados indicam que, embora AR e VR sejam tecnologias ainda consideradas novidades no local de trabalho, profissionais de todo o mundo estão ansiosos para ter dispositivos de realidade mista à disposição.

Aproveite a eficiência de um local de trabalho com realidade mista

Praticamente qualquer setor pode se beneficiar da AR e da VR de alguma maneira, seja para deixar treinamentos práticos mais divertidos ou para levar os clientes em um tour imobiliário virtual. As opções são ilimitadas, como sua imaginação, especialmente com as novas tecnologias de AR/VR voltadas para empresas. Estas são algumas aplicações da AR/VR no local de trabalho nas quais precisamos ficar de olho:

    • Preste atenção no jogo. A gamification da AR, com a ajuda do Pokémon GO, é uma ferramenta para melhorar o local de trabalho sem a necessidade de grandes projetos de adoção de tecnologia. A gamification de aplicações empresariais cotidianas (conteúdo em inglês), como treinamento, colaboração, marketing e vendas pode levar a funcionários mais produtivos, envolvidos e felizes. A gamification recompensa os funcionários por seu trabalho árduo, aumenta a competitividade e oferece a eles a motivação de que precisam para realizar tarefas.

 

    • Ofereça treinamento prático aos funcionários sem qualquer risco. Incorporar headsets de VR a uma infraestrutura de treinamento pode reduzir os custos do treinamento de funcionários e viabilizar o treinamento prático sem risco de ferimentos. Isso é importante especialmente em tarefas que utilizam maquinário pesado, aplicações perigosas e situações de vida ou morte, como em uma sala de cirurgia. O uso de headsets de VR durante o treinamento podem dar ao funcionário uma ideia de como é realizar o trabalho, mas sem o risco de lesões.

 

    • Conecte trabalhadores remotos. A AR e a VR apresentam um incrível potencial para funcionários remotos graças às tecnologias de imagens holográficas. Imagine reuniões com telepresença holográfica de funcionários de diferentes locais ou o departamento de recursos humanos entrevistando um talentoso candidato do outro lado do mundo usando tecnologia de VR. Essas inovações estão muito mais acessíveis do que você imagina. Já em 2014, o Relatório de fluxo da Right Management (conteúdo em inglês) mostrou que 49% dos responsáveis por decisões de RH previam o uso de hologramas nos próximos cinco anos.

 

    • Venda como nunca antes. Assim como o Pokémon GO agitou usuários em todo o mundo, sua empresa pode usar tecnologia de AR/VR para vender sua marca de novas e empolgantes maneiras, usando paredes inteiras de sinalização digital, aplicativos e outras tecnologias inteligentes. Alcançar seu público-alvo com aplicativos de AR para dispositivos móveis é uma maneira autêntica e agradável de envolver seus clientes. Transmita sua mensagem sem irritar os clientes com anúncios pop-up, usando a AR para oferecer uma plataforma inteiramente nova para publicidade.

 

Sejamos realistas: os trabalhadores de amanhã não se impressionarão com um escritório físico e colaborações por papel e caneta do século XX. Veja esta estatística reveladora: 77% da geração Y e apenas 47% da geração X está disposta a usar AR e VR na vida profissional. Os funcionários esperam trabalhar em escritórios inteligentes em um futuro muito próximo. Para atrair e reter os maiores talentos do seu setor, você precisa acompanhar e adotar as mais recentes inovações. Isso não quer dizer que você precisa comprar todo novo dispositivo que chega ao mercado, mas acredite: vale a pena investir nas tecnologias de AR e VR.

 

 

 

Saiba mais sobre Realidade Virtual para Empresas. As mais recentes Workstations Dell Precision, com processadores Intel® Xeon® são fundamentais para criação de conteúdo de realidade virtual e visualização comercial avançada.